domingo, 1 de novembro de 2009

Beira-Ria - 6 - Branca Activa - 2

O quarto jogo do campeonato não trouxe ainda os primeiros pontos para a equipa da Branca.
O jogo começou com a equipa da casa ao ataque a tentar resolver a partida rapidamente, mas como tem sido hábito, a nossa equipa entrou bastante concentrada e a defender muito bem os caminhos para a sua baliza.
Mesmo quando os atletas da casa conseguiam ultrapassar a nossa defesa, ainda se deparavam com Vitinha que mais uma vez efectuou um punhado de excelentes intervenções.
Nesta partida a nossa equipa também já conseguiu realizar algumas iniciativas atacantes e durante a primeira parte assistiu-se a um jogo equilibrado com as oportunidades de marcar a dividirem-se por ambas as equipas.
Acabou por ser a equipa da casa a inaugurar o marcador sensivelmente a meio da primeira parte, mas a nossa equipa respondeu muito bem e conseguiu chegar a igualdade por Ricardo e viu ainda ja muito perto do final da primeira parte Pato falhar um golo certo junto ao 2º poste com a baliza totalmente desguarnecida.
Ao intervalo o empate justificava-se pelo trabalho desenvolvido por ambas as equipas.
A 2ª parte foi totalmente diferente.
As equipas entraram com a mesma disposição, cabendo sempre ao Beira-Ria a iniciativa atacante, com a nossa equipa a defender-se bem e tentando explorar as subidas da equipa adversária e foi assim que num lance em que tivemos alguma felicidade João na zona frontal da baliza conseguiu coma coxa desviar um remate e fazer o nosso segundo golo.
Com a obtenção deste golo pensei que a equipa da casa ia ficar nervosa e cometer mais erros, mas uma completa desconcentração da nossa equipa permitiu que o Beira-Ria chegasse à igualdade logo no lance seguinte. A nossa equipa ficou nitidamente parada a ver jogar e deixou que os jogadores da casa  fizessem a reposição de bola no meio campo e viessem por ali a baixo e marcassem o tento da igualdade sem que nenhum jogador se opusesse.
Com este golo a equipa da casa galvanizou-se e acabamos por ser nós a intranquilizarmo-nos, passando a cometer demasiados erros e a fazer muitas faltas, algumas completamente desnacessárias.
Com a obtenção do terceiro logo pelos atletas da Gafanha a nossa equipa desapareceu completamente do jogo e a partir daí os ultimos 10 minutos foram de dominio completo da equipa da casa, acabando por construir um resultado robusto que fez por merecer.
Em resumo a nossa equipa fez uma primeira parte de bom nivel e uma segunda parte em que tirando os primeiros cinco minutos a equipa voltou a ser apática, pouco empenhada e a cometer demasiados erros.
Num jogo sem casos a arbitragem roçou a perfeição, sendo a unica excepção a validação de um golo obtido numa recarga a um livre de 10 metros, em que o atleta beneficiou de posição irregular pois adiantou-se antes da marcação do livre, pelo que o golo devia ter sido anulado e o jogador punido com cartão amarelo.


Sem comentários:

Enviar um comentário